Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Literatura > ALLEGRO VIVACE - Fernanda Pittella

ALLEGRO VIVACE - Fernanda Pittella

Literatura por Sandra Hasmann em 2015-03-16 17:27:22

Fernanda Pittella

Mineira de Santos Dumont, Fernanda Pittella pertence à nova geração de escritores brasileiros cuja literatura inspiradora reflete um estado de espírito tradicional e regionalista muito peculiar. Estudou e viveu em diversos países, colecionando referências culturais enriquecedoras ao seu estilo coloquial e acessível. Graduou-se em odontologia pela Universidade Federal de Juiz de Fora e doutorou-se em Patologia Molecular pela Tokyo Medical and Dental University, no Japão. Viveu cinco anos na Bélgica, e após retornar ao Brasil, dedicou-se ao estudo de Arquitetura e Urbanismo pela Pontifícia Universidade do Rio de Janeiro. Atualmente reside em Singapura. Nunca perdeu suas raízes mineiras, o que é facilmente identificado em seus livros.

Em 2013 dedicou-se à publicação de seu primeiro livro, Adágio com Brio – Uma aventura Toscana.
Misto de memórias e diário de viagem, o livro faz uma espécie de crônica do convívio dessa “turista acidental” com o clã Pittella e seus simpáticos “agregados” durante uma jornada pela Europa. Roteiro, diga-se de passagem, permeado por recordações das terras mineiras.
Em meio a multidões de turistas esbaforidos ávidos em clicar tudo ao mesmo tempo agora, os Pittellas seguiram direitinho o conselho de Dante Alighieri: “E nós fomos adiante contemplar as estrelas”.

Allegro Vivace – da Província à Provence é o segundo livro da escritora, que retoma os personagens do livro “Adagio com brio – Uma aventura Toscana”. Nessa nova aventura, Papamufle, Coccinella e sua barulhenta trupe embarcam rumo à Provence, na França. Embalados pelo aroma da lavanda, a família mineira de Cabangu vai explorar as delícias da culinária francesa, degustando os pratos típicos da região e se divertindo na descoberta das pequenas e antigas cidades provençais. O texto, bem-humorado, é entremeado de passagens divertidas com as quais o leitor facilmente se identificará.

Ambos os livros foram traduzidos para o francês e estarão representando a escritora no Salon du Livre de Paris 2015, onde o Brasil e seus escritores serão homenageados.


Texto contracapa

Allegro Vivace – da Província à Provence é o segundo livro da escritora brasileira Fernanda Pittella, que retoma os personagens do livro “Adagio com brio – Uma aventura Toscana”. Nessa nova aventura, Papamufle, Coccinella e sua barulhenta trupe embarcam rumo à Provence, na França. Embalados pelo aroma da lavanda, a família mineira de Cabangu vai explorar as delícias da culinária francesa, degustando os pratos típicos da região e se divertindo na descoberta das pequenas e antigas cidades provençais.
O texto, bem-humorado, é entremeado de passagens divertidas com as quais o leitor facilmente se identificará.


 Cabangu se encontra perdida nas montanhas da Mantiqueira, um lugar imaginário onde as tradições mineiras são vividas com o fervor de antigamente, a culinária é a do tempo das avós, o bom mocismo permanece na província. Em Cabangu a memória se eterniza no não passar do tempo, o real e o fantástico se fundem e se confundem.
       Apesar de Cabangu, a família de Papamufle esteve sempre disposta a desbravar outros horizontes. Desta vez, o lugar escolhido entre ruidosas tertúlias e almoços de domingo, foi uma região muito especial e perfumada ao sul da França: a Provence, um museu galo-romano a céu aberto, circundado por uma natureza ora dramática, ora serena.
        Allegro Vivace é um andamento musical vivo e acelerado, que traduz com precisão o tom da narrativa que se desenrola entre a província e a Provence.


Primeira orelha

“Não tenho certeza de nada, mas a visão das estrelas me faz sonhar”.

Vincent Van Gogh


Segunda orelha

A autora
Fernanda Pittella nasceu em Santos Dumont, no interior de Minas Gerais. Pertence à nova geração de escritores brasileiros cuja literatura inspiradora reflete um estado de espírito tradicional e regionalista muito peculiar. Estudou e viveu em diversos países, colecionando referências enriquecedoras ao seu estilo coloquial e acessível. Atualmente reside em Singapura. Nunca perdeu suas raízes mineiras, o que é facilmente identificado em seus livros.

Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também